Semana Municipal de Arte Urbana e Grafite é criada em Natal

Semana Municipal de Arte Urbana e Grafite é criada em Natal

Com a presença de grafiteiros, artistas urbanos, secretários municipais e servidores públicos, o prefeito Álvaro Dias sancionou no início da tarde desta terça-feira (04), no Salão Nobre do Palácio Felipe Camarão, a lei que institui a Semana Municipal de Arte Urbana e Grafite em Natal. A Semana será comemorada anualmente no período que envolver o dia 27 de março.

“O segmento de arte urbana tem muito a contribuir com o futuro da nossa cidade. Temos prestigiado os espaços públicos de Natal, como o Beco da Lama, o Espaço Cultural Ruy Pereira e o K-Ximbinho. São coisas que eu acredito desde muito tempo”, ressaltou o prefeito Álvaro Dias.

O chefe do executivo municipal citou os editais de ocupação do Beco da Lama, onde em 2019 houve 81 apresentações artísticas e foram investidos R$ 200 mil. Em Natal como um todo 76 artistas de arte urbana tiveram a oportunidade de mostrar os seus trabalhos nos muros da capital: “Não adianta apenas revitalizar os espaços públicos. Temos também de movimentar os logradouros com atrações. Nós temos somado esforços com o setor cultural.  E vamos continuar com a nossa política de fomento e ocupação dos espaços”.

Para o secretário municipal de Cultura, Dácio Galvão, a atual gestão fez uma minirrevolução nos espaços públicos da cidade, investindo mais de R$ 500 mil na inclusão e no ativismo. “A Semana de Arte Urbana e Grafite celebra a abrangência da arte do grafite. É uma política pública importante para a cidade”, observou o gestor.

A Lei 7.009, de 04 de fevereiro de 2019, é uma proposição do vereador Robson Carvalho, e objetiva dar visibilidade ao segmento da arte urbana e do grafite, além de divulgar os artistas e enaltecer as obras de arte nas ruas de Natal: “A arte urbana não é restrita. É ampla.  Esse tipo de intervenção vem estimulando o natalense a frequentar espaços da cidade outrora ociosos. Ganham os artistas e ganha a cidade.”. E complementou: “Precisamos lapidar ainda mais os editais culturais”.

Para um dos principais artistas do segmento do grafite em Natal, Miguel Carcará, a arte transforma vidas. Ele contou que tudo começou de forma despretensiosa, com alguns amigos, numa época em que a polícia não via a atividade do grafite com bons olhos.   “Fico muito feliz com a criação da Semana Municipal de Arte Urbana e Grafite. Transformei a arte no meu propósito de vida. A rua para mim sempre foi o verdadeiro palco.  A verdadeira arte é aquela que transforma. Eu só tenho a agradecer”, disse o artista.

Portal Grande Ponto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *